Gestores avaliam positivamente conquistas do GeoPark Araripe em 13 anos de criação

O GeoPark Araripe completa 13 anos, com uma marca internacional de um dos projetos mais relevantes do ponto de vista de valorização do geoturismo, da geoconsevação e geoeducação. O projeto que integra o programa de Rede Global de GeoParks junto à Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).

Atualmente em seis municípios da região do Cariri, engloba o território as cidades de Crato, Juazeiro do Norte, Santana do Cariri Nova Olinda, Missão Velha e Barbalha, com nove geossítios.

Para o Reitor da Universidade Regional do Cariri (URCA), Francisco do Ó Lima Júnior, falar do GeoPark nesses 13 anos, é destacar uma trajetória vitoriosa, através do Programa de Geoparques da Unesco, com uma grande ação que envolve todos os atores do território.

“Tem uma raridade do ponto de vista geológico, para explicar a vida no planeta, mas que se desdobra em outros atributos, como em outros valores, a exemplo das riquezas da biodiversidade, hídricas, do grande patrimônio identitário”, afirma. Para o reitor, nesse período houve uma consolidação e fortalecimento maiores do projeto, e a população vem tomando consciência dessa grande riqueza que temos para preservar.

Segundo avalia, do ponto de vista concreto são grandes vitórias, com o olhar maior da sociedade para o potencial do geoturismo, hoje com guias, associações, esporte de aventura e uma rede hoteleira. Por conta do impulsionamento dado pelo GeoPark, houve uma profissionalização maior desses setores com um conjunto de realizações.

Do ponto de vista científico, Lima Júnior chama a atenção da riqueza, em todos os níveis, incluindo a geológica e paleontológica, e finalmente uma das maiores reservas do período Cretáceo do mundo, acreditasse que a segunda maior, com elevado nível de preservação dos fósseis e os seus achados, com maior visibilidade internacional, dessa grande riqueza que explica boa parte da trajetória da evolução do planeta.

“Comemorar 13 anos, diante de uma agenda passada que nos trouxe até aqui, com uma equipe científica, incluindo um concurso internacional, o Gea Terra Mãe, é tornar cada vez mais a sociedade dona desse GeoPark, e a URCA tem essa grande responsabilidade de ser gestora, olhando para o futuro, através da Rede Global de Geoparques”, ressalta o Reitor da URCA. Para ele, olhar para o futuro, nos apropriando cada vez mais desse programa da Unesco, é valorizar o desenvolvimento natural e sustentável do território do Araripe.

 

Geopark Araripe recebe o terceiro selo verde

1/1
 

O Geopark Araripe (GA) recebeu no último dia 23 de setembro o terceiro selo verde, a maior certificação dada pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) durante a XV Conferência Europeia de Geoparques, realizada em Sevilha, Espanha. Esse reconhecimento garante a permanência e participação do Ceará e Cariri entre os 141 destinos sustentáveis do mundo e programas com certificação da UNESCO.

 

A conquista foi recebida pelo Coordenador do setor de Cultura do Geopark Araripe (GA), professor José Patrício Pereira Melo. Segundo Patrício, o Cariri cresceu e conquistou um grande reconhecimento como destino turístico, em quantidade de visitas de estrangeiros. “Até aqui esse reconhecimento se traduz no Green Card (selo verde), temos muito que comemorar e trabalhar.”, avaliou.

 

A avaliação de um Geoparque é realizada de quatro em quatro anos pelo Conselho de Geoparques da UNESCO. Em Julho, nos dias de 17 a 20, o GA foi avaliado por dois técnicos, os geólogos Pablo Rivas, da Espanha, e Tran Tan Van, do Vietnã. Ao todo, cinco geossítios situados em quatro cidades do Cariri foram visitados: Colina do Horto, Pontal da Santa Cruz, Batateiras, a Ponte de Pedra e o Pedra Cariri. Também conheceram o trabalho de alguns parceiros como o Arajara Park, Escola de Saberes de Barbalha, IU-á hotel, Fundação Casa Grande, Espedito Seleiro, Lira Nordestina e Mestre Noza e tiveram oportunidade de visitar o Centro de Interpretação e Educação Ambiental do Geopark Araripe, equipamento que foi reinaugurado no período da Expocrato.

Geoparque Cânions do Sul

O território do Projeto Geoparque Cânions do Sul é integrado por sete municípios, em dois Estados, no Sul do Brasil, com área total de 2.830 km2 e cerca de 73 mil habitantes. Fazem parte do Projeto, os municípios de Cambará do Sul, Mampituba e Torres, no Rio Grande do Sul; e Jacinto Machado, Morro Grande, Praia Grande e Timbé do Sul, em Santa Catarina. 

 

Chama atenção no território a exuberância do patrimônio natural. Localizados na Serra Geral, os cânions limitam o planalto e a planície costeira, com desníveis que chegam a 1000 metros e estão a menos de 50 quilômetros do mar. A região apresenta inúmeras quedas d´água, piscinas naturais, lagoas e rios, além de campos de dunas e praias. Neste cenário de beleza singular, encontram-se também diversas paleotocas, abrigos escavados por animais já extintos, que viveram há mais de 10 mil anos. O território revela ainda um rico patrimônio cultural, com particular destaque às culturas indígena e quilombola e dos imigrantes açorianos, alemães e italianos, passando pelo marcante movimento do tropeirismo na região.

 

O Consórcio Intermunicipal Caminhos dos Cânions do Sul é responsável pela gestão do Projeto e a equipe técnica, formada por representantes de todos os municípios. Um dos grandes destaques do Projeto Geoparque Cânions do Sul é a mobilização da comunidade escolar, com atividades educativas realizadas em todas as escolas da rede municipal de ensino dos sete municípios. No momento, os profissionais envolvidos com o Projeto estão dedicados à elaboração do dossiê de candidatura, à estuturação dos georoteiros e à continuidade do processo de divulgação para engajamento das comunidades quanto à importância do Projeto para o desenvolvimento sustentável da região.

 

Plano de ação ambiental tem objetivo de conservar Soldadinho-do-Araripe

A busca por proteger espécies de animais ameaçadas em extinção está cada vez maior. Por essa razão, o Plano de Ação Nacional para a Conservação do Soldadinho-do-araripe (PAN Soldadinho-do-araripe) realizou na segunda - feira (16/09) a Monitoria Anual do Plano de Ação Nacional para a Conservação do Soldadinho-do-Araripe, no auditório do Geopark Araripe (GA).

 

A icônica ave endêmica que representa o território do GA, o Antilophia bokermanni,vive pelas áreas das florestas da Chapada do Araripe, único lugar onde pode ser encontrado. Ele é reconhecido mundialmente e as dificuldades para manter a sua espécie também.

 

O PAN Soldadinho-do-araripe é um acordo da sociedade criado pelo Instituto Chico Mendesde Conservação da Biodiversidade , no qual diversos representantes do poder público, sociedades civis e ONG’s se reúnem assumindo o papel de responsabilidade para promover o aumento populacional e a conservação de uma espécie, o Soldadinho. Desta forma o projeto  abrange e estabelece estratégias prioritárias de conservação para uma espécie ameaçada de extinção.

 
 

Equipe do GeoPark Araripe

Coordenador Executivo/Reitor da Universidade Regional do Cariri (URCA)

Francisco do Ó Lima Junior

Superintendente 

Carlos Kleber Nascimento de Oliveira

Diretor Executivo

Nivaldo Soares de Almeida

​​

Secretaria Executiva

Pedrina França Pereira​​

​​

Comunicação

Michel Macedo Marques

Sarah Menezes Pereira

Cultura

José Patrício Pereira Melo

​​

Geoturismo e Desenvolvimento Territorial 

Jeanne Sidrim

​​

Geoconservação

Francisco Idalécio de Freitas

Rafael Celestino Soares

Geoeducação e e Educação Ambiental

Maria Neuma Clemente Galvão

Equipe de Preparação Geonews - 9ª edição/ 2019

Textos

Natanael dos Santos Almeida​

Maria Emilly de Freitas da Silva

Revisão

Michel Macedo Marques

Sarah Menezes 

Fotos 

Acervo GeoPark Araripe

Design

Wendell Sousa Felipe da Costa

Produção e Edições de Videos

Natanael dos Santos Almeida

Wendell Sousa Felipe da Costa

Tradução

Maria Emilly de Freitas da Silva - Espanhol

Natanael dos Santos Almeida  - Inglês

Colaboração

Geopark Cânions do Sul (Brasil)

Siga-nos

iconfinder_2018_social_media_popular_app
iconfinder_2018_social_media_popular_app
iconfinder_2018_social_media_popular_app

© 2017 Geopark Araripe

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now
71220208_736953213384711_871253762318863